Compartilhe
Sombrio

Jogos de volta mantém Raizeira e Negger’s nas semifinais

Publicado em 04/06/2012 às 00:00 - Atualizado em 08/09/2016 às 14:36

Das 12 equipes que fazem as partidas semifinais das três categorias do Sombriense 2012, apenas um semifinalista ainda não foi definido. Com a fase de quartas de final praticamente encerrada, é hora de alguns times guardarem as chuteiras, enquanto outros seguem na disputa em busca do título de Primeira, Segunda e Terceira divisões do maior campeonato de futebol amador do extremo sul catarinense. Neste domingo, 2 de junho, seis jogos foram disputados em três praças esportivas do município.

 

Terceira

 

No estádio José da Silva, em Guarita, a manhã de domingo começou com o mata, mata entre Motivação e A.A. Guarita. No retrospecto, a equipe da casa levava pequena desvantagem, já que encerrou a classificatória como 2º do grupo B, enquanto o Motivação foi o 1º da chave C.

Com a bola rolando, o que se mostrou foi um início de muita qualidade para o Motivação, que abriu vantagem de 3 a 0 no placar. Mas, depois de algumas substituição, a equipe se perdeu em campo, permitindo uma recuperação da Guarita, que acabou virando e vencendo por 5 a 3. Com o placar, Guarita é o adversário de A.D. Torino/Pinho Pneus, já na próxima rodada.

Também pela Terceira divisão, no estádio Antônio José Luchina entraram em campo A.A. Raízes e A.A. São José. A forte chuva ocorrida durante de sábado acabou deixando o gramado do Luchinão encharcado, o que prejudicou o espetáculo. Apresentando muita dificuldade para conduzir a bola, as duas equipes encerraram o tempo regulamentar com o empate em 2 a 2, provocando a disputa de penalidade. Com duas defesas do goleiro da São José, o placar das penalidade ficou em 4 a 2, colocando a equipe na semifinal para enfrentar o AMJA B, também no próximo fim de semana.

O sorteio dos campos está marcado para esta segunda-feira, dia 4, às 17h30min, na secretaria municipal de Esportes de Sombrio.

 

Segunda

 

No estádio Antônio Sant’Helena, E.C. Nova Aliança/Emasil e A.A. São Luiz fizeram o primeiro jogo válido pelas quartas de final, já que a disputa do último domingo havia sido transferida. A partida entre as duas equipes foi de muita tensão, com quatro expulsões e reclamações de ambos os lados, encerrando com o placar de 1 a 1. O jogo de volta entre as duas equipes foi remarcado para a próxima quinta-feira, 7 de junho, feriado.

O gramado molhado do estádio Antônio José Luchina recebeu E.C. São Pedro e E.C. União/JBG. Com a vantagem de resultados iguais por ter melhor campanha e com a vitória por 1 a 0 na partida de ida, o São Pedro jogou com o regulamento e procurou não tomar gols.

Uma marcação adiantada deu ao São Pedro a ilusão de que tinha o jogo sob controle, mas um rápido contra ataque do União aos 30 minutos do primeiro tempo e um belo chute de fora da área mostrou que não seria tão fácil obter a classificação. Foi somente aos 37 minutos que veio o empate, de cabeça depois de uma bola alçada na área.

Aos 11 minutos do segundo tempo, a cobrança de um escanteio seguido de cabeceada certeira renovou as esperança do União/JBG, que fazia 2 a 1.

O desperdício de uma penalidade aos 17 minutos quase estragou a festa do São Pedro, mas o placar de 2 a 1 permitiu que a equipe avançasse à semifinal, que disputa a vaga contra a A.A. Raizeira, com jogo de ida marcado para o próximo domingo, 10 de junho.

 

Primeira

 

A derrota por 4 a 0 no jogo de ida no estádio Antônio Sant’Helena, para a A.A. Negger’s, fez com que a diretoria do E.C. Ferroviário preferisse não voltar à campo neste domingo para a partida de volta. Afirmando não ter condições de reverter o placar, a equipe assinou termo de desistência e a disputa marcada para o estádio Antônio José Luchina não chegou a ser realizada. Assim, a Negger’s faz os jogos de ida e volta da semifinal contra o E.C. Coruja, a partir do próximo domingo.

Já o Millze/C. Monteiro, também derrotado por uma diferença de 4 gols (6 a 2) no jogo de ida, voltou a campo de cabeça erguida para a segunda disputa contra o E.C. Raizeira, no Antônio Sant’Helena, às 15h.

Mostrando boa técnica, as duas equipes deram início a um jogo equilibrado, em que o Millze/C. Monteiro parecia não ter muita objetividade em buscar o placar pretendido. Foi somente aos 45 minutos da primeira etapa que a equipe abriu o placar, com o zagueiro Dodi em cobrança de falta que achou o ângulo direito do gol do Raizeira.

Com 1 a 0, o Millze/C. Monteiro voltou para o segundo tempo ainda mais entusiasmado. Já no primeiro lance, Grafite aproveitou bom passe de frente para o gol e ampliou o placar para 2 a 0, aumentando ainda mais a esperança de seu time na classificação. A equipe continuou pressionando, até que aos 20 minutos um contra ataque permitiu que Celino marcasse o 3º do Millze: 3 a 0.

Precisando de apenas mais um para conseguir a classificação, o Millze continuou pressionando, enquanto o Raizeira parecia confuso na sua marcação. Mas, aos 29 minutos, o zagueiro Téio esfriou a empolgação do Millze, ao marcar de cabeça para o Raizeira. O placar de 3 a 1 permaneceu até o fim, dando ao Raizeira a chance de tentar o bicampeonato, precisando passar agora pelo E.C. Guarani nos jogos de ida e volta da semifinal.

 

 


Galeria de Imagens

  • {{galeriaImagens.length + galeriaVideos.length - 12}}
  • {{galeriaMultimidia.length + galeriaImagens.length + galeriaVideos.length - 12}}
Fechar

Av. XV de Novembro, 911, Centro Cívico , Araranguá - SC
CEP: 88905-112